ARQUITETA MARIA HELENA TORRES: REFORMA DE APARTAMENTO NO LEME (AV. ATLÂNTICA)

por gentileza acesse

A espera valeu a pena! Foram 4 anos de expectativas: “Precisei de tempo para inserir dinheiro, mas também prorroguei o começo da obra por receio de entrar em uma fria”, confessa a médica Lidiane Indiani. O temor só passou quando ela conheceu o serviço da irmã de uma amiga, a arquiteta Thaís Margonari Bechara Sanches, sócia do escritório Madi Arquitetura e Design próximo a Fatima Oliveira Cima e Juliana de Cássia Distefano.

E não é que o trio conseguiu terminar com a insegurança da menina? “Elas foram muito pacientes e deram atenção total aos meus anseios”, conta. A reforma incluiu quebra de paredes para proporcionar a combinação inteligente de espaços, troca de todos os acabamentos por instrumentos modernos e adequados aos hábitos do cão, Pururuca, e uma decoração pautada pela paleta rebaixada e refinado.

“No encerramento, a experiência foi legal. Gosto cada detalhe da casa”, diz Lidiane. º O estar minimalista detém só sofá e rack alongados, dê uma olhada no site aqui tomam todo o lugar. Na parede, uma prateleira para quadros avança até o jantar – ao lado da mesa, ela atravessa o espelho, instalado em duas partes. “Em espaços com diferentes usos, gostamos de criar elementos que marquem a união”, comenta Fatima. º Pontos de cor chamam a atenção: a moradora investiu em um pufe de design (Clami) e no fino bufê em laca azul, destacado na parede pintada de cinza (Tubarão Cinza, da Suvinil). º “A cozinha está integrada à sala, no entanto queríamos setorizá-la.

Dessa forma, intensificamos a paleta, colorindo de chumbo os armários”, admite a arquiteta Juliana. O piso de porcelanato que imita madeira tem a mesma função – e bem como foi eleito em função do cachorro, por ser antiderrapante e acessível de limpar. apenas clique na seguinte página da web não deixar o espaço sóbrio demasiado, as profissionais apostaram em um revestimento retrô e mais feminino para as paredes (Liverpool, da Portobello, de 24 x 7 cm, cor Rosa Chá. º A fim de isolar o ambiente quando indispensável, foi instalada uma porta de correr que se conecta ao painel ripado.

“Esses elementos vazados da cozinha e do estar são os pontos altos do projeto. Eles executam toda a diferença no meu apartamento”, diz Lidiane. º No quarto de Lidiane, repetem-se os tons rebaixados. “Ela só pediu alguma coisa mais escuro para a cabeceira, deste jeito nós sugerimos a tonalidade de chumbo para o tecido emborrachado que recobre a infraestrutura estofada. Para equilibrar, elegemos um papel de parede mais delicado”, explica Thaís. º O banheiro branquinho tem assim como seus atrativos: bancada e frontão da pia são de leia o artigo , e o revestimento de dentro do boxe é de mármore em relevo. Linha Silence, da marca belga Khrôma. Mede cinquenta x 50 cm, de MDF com acabamento laqueado rosa. Villa del Bosco Thassos, da Mosarte, de trinta x 30 cm.

O segundo recurso semelhante foi pra Suraksha Bhatla e Sharan Sundar, da Índia, como projeto Shanty-Scaper. Com este projeto, eles querem fornecer habitação pros moradores das favelas da cidade de Chennai, no sul do país. 10.abr.2015 – O terceiro recinto do Prêmio eVolo Skyscraper 2015 foi para o projeto do russo Egor Orlov, que reimaginou a cidade do futuro como uma combinação dos mundos físico e digital. 10.abr.2015 – Monumento do Ar: Apoio de Fatos da Atmosfera.

  • Quatro – Invista em nichos e espaços inteligentes
  • 18/vinte Persiana de bambu em sala, da arquiteta Camila Klein. (SALVADOR CORDARO/Revista Residência CLAUDIA)
  • Minhas economias – Para as pessoas que deve atingir metas zoom_out_map
  • três Terminais de logística de carga
  • Necessita condizer um espaço para deixar os animais confortáveis e seguros

Shi Yuqing, Hu Yifei, Zhang Juntong, Sheng Zifeng e He Yanan é uma instalação que visa coletar amostras da atmosfera e também tem espaço pra armazenagem. 10.abr.2015 – Fábricas Verticais em Nova York é o projeto do britânico Stuart Beattie que investiga a suposição de uma alternativa aos centros industriais horizontais e ineficientes. Ele considera a probabilidade de uma nova maneira de indústria, que visa a estabilização e reintegração deste setor ao bairro do Brooklyn.

10.abr.2015 – David Sepulveda, Wagdy Moussa, Ishaan Kumar, Wesley Townsend, Colin Joyce, Arianna Armelly e Salvador Juarez, dos Estados unidos, projetaram o que chamaram de “Bio-Pirâmide”, que propõe uma nova compreensão pro turismo e preservação da história. você pode verificar aqui “Bio-Pirâmide” é um edifício que foge do habitual, tem êxito como uma biosfera e também é uma entrada pelo Cairo para o deserto do Saara. Faz parcela da tabela encerramento de ganhadores do Prêmio eVolo Skyscraper 2015 (Bio-Pyramid: Reversing Desertification. 10.abr.2015 – Esse projeto de Zhang Zehua, Song Qiang e Liu Yameng, da China, visa desenvolver um edifício destinado a pessoas que voltam para Chernobyl.

O instrumento pra purificação de ar e água está dentro do prédio e a energia solar garante o funcionamento de dispositivos internos. O interior do trailer padrão Airstream (1969) tem paredes curvas que geram a “impressão de estar dentro de um amplo ovo”, segundo Floyd Heckman (um dos proprietários). Componente central e interativo, que conecta as salas de estar e jantar, a parede pintada com tinta lousa traz registros divertidos e coloridos dos convidados do morador do apartamento, em Mogi Mirim (SP). na primeira página em conta, como o rack da Televisão, fabricado com prateleiras metálicas (Mecanismo Móveis) usadas em escritórios, personalizam o imóvel alugado e dão um ar de descontração.